Politica

BE. ‘Este é o Governo recordista da destruição de emprego em Portugal’

A porta-voz do BE, Catarina Martins, acusou hoje o Governo liderado por Passos Coelho de ser "o recordista da destruição de emprego em Portugal", considerando que a taxa de desemprego "não reflete a realidade", nomeadamente pela gigantesca emigração.

Segundo a estimativa provisória divulgada hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), a taxa de desemprego subiu 0,1 pontos percentuais em agosto face a julho, para 12,4%, tendo Catarina Martins sido questionada sobre estes números pelos jornalistas no final de uma visita a uma empresa de calçado em Santa Maria da Feira.

"Não vou comentar décimas para cima como não comento décimas para baixo. A taxa de desemprego como sabem não reflete a realidade do emprego no país, nomeadamente pela gigantesca emigração do país", começou por explicar, sugerindo olhar antes para o facto de mais uma vez haver menos emprego em Portugal.

A porta-voz bloquista atribuiu um novo recorde ao executivo de Passos Coelho: "Este é o Governo recordista da destruição de emprego em Portugal".

"É a marca da austeridade. Austeridade significa destruição do emprego, significa destruição da economia. O que estes números mostram é precisamente isso: temos cada vez menos emprego", considerou.

Este Governo vai sair de funções, de acordo com Catarina Martins, "deixando o país com um PIB mais pequeno, uma dívida maior, um défice igual e com menos emprego", sendo esta "a marca do falhanço de uma governação".

Lusa/SOL