Sociedade

ASAE instaura processos-crime por abate clandestino em estabelecimentos do Norte

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) anunciou hoje ter instaurado três processos-crime por abate clandestino, no âmbito de ações de fiscalização que realizou nos concelhos de Vinhais, Monção, Fafe e Vila Real.

Em comunicado, a ASAE refere que estas ações decorreram durante a última semana em estabelecimentos de restauração e bebidas daqueles municípios, "atendendo aos riscos associados ao consumo de carne proveniente de estabelecimentos não licenciados para o efeito".

A ASAE refere ter sido detidos cinco indivíduos e apreendidos 224 quilogramas de produtos cárneos (de carne ou com a cor de carne), quatro carcaças de ovino e pescado, avaliados em cerca de 4.200 euros.

Além dos três processos-crime por abate clandestino, a ASAE instaurou ainda um processo-crime por produtos anormais avariados e um processo-crime por venda de produtos contrafeitos, tendo sido apreendidos 48 artigos diversos (polos e sapatilhas).

Lusa/SOL