LifeStyle

Portugueses candidatam-se a mais um recorde do Guinness

Mil e nove pessoas participaram no brinde "Um abraço ao Douro", que decorreu durante o Festival do Moscatel, em Alijó, e que se pretende inscrever no livro de recordes Guinness, anunciou hoje a autarquia.

 

A Câmara de Alijó desafiou a população a participar num brinde com moscatel, a que chamou "Um abraço ao Douro" e no qual participaram 1.009 pessoas.

Segundo anunciou hoje o município, os números "atingidos ultrapassam o anterior recorde de um brinde com um abraço contínuo", que estava fixado nas cerca de 900 pessoas.

Agora, acrescentou, falta a homologação para validar o recorde e o inscrever no Guiness Book of Records.

Este foi, de acordo com a Câmara de Alijó, o ponto alto do Festival Moscatel do Douro, que decorreu entre sexta-feira e domingo, na vila de Favaios.

Em Alijó é produzido cerca de 80% do moscatel do Douro. Pelo concelho espalham-se cerca de 1.400 hectares de vinha com a casta moscatel galego, através da qual se produz este vinho licoroso.

O presidente da autarquia, Carlos Magalhães, contabiliza uma faturação que, só na área de Favaios, é de cerca de "11,5 milhões de euros". O valor ascende, nas suas contas, a cerca de "15 a 16 milhões de euros em todo o concelho".

Segundo o município, o Festival Moscatel Douro quis ser um contributo para "a afirmação do que de melhor" se faz no concelho de Alijó, onde se destaca ainda a produção de pão, como o trigo de quatro cantos.

"Este evento insere-se na estratégia de promover e divulgar os produtos nobres produzidos no nosso território e, em simultâneo, atrair visitantes animando o setor turístico", afirmou Carlos Magalhães.

O objetivo foi "estimular e apoiar os agentes económicos locais, em particular a produção e comércio do vinho moscatel, proporcionando a venda direta dos produtos expostos e o estabelecimento de contactos comerciais entre os expositores e potenciais vendedores/distribuidores".

Lusa/SOL