Sociedade

Desvendados cinco mitos sobre o álcool

Há cada vez mais ações e campanhas sobre os efeitos do álcool na condução, mas a verdade é que muitos sinistros são ainda provocados pela taxa de alcoolemia dos condutores.

A Prevenção Rodoviária Portuguesa decidiu por isso clarificar alguns mitos, que infelizmente muitas pessoas usam como truques para guiarem mesmo depois de terem bebido um copo ou mais.

Um café com sal acelera a eliminação do álcool pelo organismo?

O café, com ou sem adição de sal, não diminui os efeitos do álcool no organismo e não acelera o processo de eliminação. 

Se ingerirmos álcool acompanhado ou diluído em água ou sumo de fruta a taxa de alcoolemia é mais baixa?

O tipo de consumo (só ou com água, sumo de fruta) não tem qualquer influência na taxa de alcoolemia, porque a quantidade de álcool ingerida é a mesma em qualquer dos casos.

Se dormir um pouco, após ingerir álcool, posso voltar a conduzir?

Se a quantidade de álcool ingerida for pouca (apenas 1 ou 2 copos de bebida), o tempo de sono corresponderá mais ou menos ao tempo de eliminação de álcool pelo organismo. Mas se o volume de álcool ingerido for grande, é provável que a taxa de alcoolemia se mantenha elevada, mesmo após uma noite de sono. Dormir não diminui a taxa de alcoolemia.

Se ingerir álcool, acompanhado de comida, os efeitos do álcool são menores?

Sem nada no estômago, a taxa de alcoolemia atinge valores mais elevados e de forma mais rápida do que quando se ingere álcool com comida. Mas o álcool está presente no organismo e os seus efeitos também.

Existem substâncias que aceleram a eliminação do álcool?

Não. A eliminação do álcool pelo organismo depende apenas do tempo, 0,1 gramas de álcool por hora.

Fonte: Prevenção Rodoviária Portuguesa