Sociedade

GNR deteve 140 pessoas durante o fim de semana

A GNR anunciou hoje a detenção de 140 pessoas, a maioria por condução com excesso de álcool, durante as operações de combate à criminalidade e fiscalização rodoviária realizadas no fim de semana em todo o país.

DR  

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana adianta que foram detidas 87 pessoas por condução sob o efeito do álcool, 15 por condução sem habilitação legal, 12 por tráfico de droga, cinco por posse de armas proibida e uma por furto.

As 140 detenções foram feitas pelos militares da GNR no decorrer de um conjunto de operações, realizadas durante o fim de semana em todo o país, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta e fiscalização rodoviária.

A GNR salienta que 72 por cento das detenções realizadas este ano pelos elementos da corporação resultaram da condução sob o efeito do álcool, sendo as restantes 28 por cento relativas às detenções por falta de habilitação legal para a condução.

Segundo aquela força de segurança, a GNR deteve, até 29 de novembro, 10.356 condutores com excesso de álcool e 3.976 por falta de habilitação legal para conduzir.

Durante o último fim de semana, a GNR apreendeu igualmente 5.715 doses de haxixe, 16 plantas de cannabis, 11 armas brancas, sete armas de fogo, 73 munições e 5.753 euros.

Os militares da GNR fiscalizaram ainda 5.845 condutores e detetaram 1.939 infrações, 856 das quais por excesso de velocidade, 196 por condução com uma taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 91 por falta do uso do cinto de segurança ou cadeirinhas para crianças, 86 por utilização do telemóvel durante a condução, 78 por falta de inspeção periódica obrigatória e 37 por falta de seguro.

Lusa/SOL