Internacional

Fraude: EUA processa Volkswagen

A queixa abrange cerca de 600 mil automóveis a gasóleo.

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos (DOJ) apresentou esta segunda-feira uma queixa contra a Volkswagen por causa da fraude das emissões.

A queixa abrange cerca de 600 mil automóveis a gasóleo, que têm um “dispositivo ilegal que prejudica o controlo das emissões e viola as metas” da Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA), “prejudicando a poluição atmosférica”, refere o documento.
 
A Volkswagen estará, na ótica das autoridades, a violar o Clean Air Act, a lei que controla esta situação em todo o território.

 

Em setembro, a Volkswagen admitiu pela primeira vez que instalou um software fraudulento nos carros a diesel vendidos desde 2009. No total, foram detetados 11 milhões de automóveis equipados com aquele software, num esquema transversal a diversos mercados.