Internacional

2500 membros do EI mortos pela coligação

Os ataques da coligação liderada pelos Estados Unidos e que atua na Síria e no Iraque mataram 2500 membros do Estado Islâmico durante o mês de dezembro, afirmou Steve Warren, porta-voz da campanha liderada pelos EUA em Bagdade.

AP  

Warren avançou ainda que, desde setembro de 2014, o EI já perdeu 22 mil km2 de território, no Iraque, e mais de 10% na Síria.