Internacional

Ataque suicida do Boko Haram nos Camarões mata quatro pessoas

Ataque foi provocado por uma criança de 12 anos numa mesquita.

Ataque suicida do Boko Haram nos Camarões mata quatro pessoas

Pelo menos quatro pessoas morreram hoje devido a um ataque suicida levado a cabo pelo grupo terrorista Boko Haram numa mesquita na cidade de Nguetchewe, nos Camarões, perto da fronteira com a Nigéria.

“Ás 6h10 [hora local, menos uma hora em Lisboa], um menos de 12 anos foi identificado por membros do comité de vigilância, que pediram que tirasse a jaqueta, mas ele não quis. Depois, começou a correr em direção à mesquita e detonou o explosivo”, disse um soldado que se encontrava próximo do local e que confirmou a morte da criança.

"O número de vítimas deste ataque é quatro mortos e dois feridos", disse uma fonte, que estava no local do ataque, à AFP.

O ataque acontece cinco dias depois de um ataque similar, que provocou a morte a 12 pessoas.

Na passada sexta-feira, o ministro das Comunicações e porta-voz do governo, Issa Tchiroma Bakaray, tinha alertado que desde 2013, quando o grupo terrorista começou a atacar em território camaronês, foram mortas pelo menos 1200 pessoas.

Os comentários estão desactivados.