Internacional

Suicídio assistido transmitido na BBC

A estação televisiva britânica BBC transmitiu ontem o documentário ‘How to Die: Simon’s Choice’ (‘Como Morrer: A Escolha de Simon’, em português), no qual é filmado os últimos momentos de Simon Binner numa clínica suíça dedicada ao suicídio assistido.

No final do documentário, o empresário surge a dar a mão à mulher, Debbie, e a segurar a seringa que contém a droga que o vai matar. Simon sofria da doença do neurónio motor, um problema que fez com que deixasse de falar.

Antes de o empresário acabar com a própria vida, o casal ouviu uma mensagem gravada por Simon: “Olá Debbie, é o Simon. Amei-te muito, muito, muito Debbie. Não te mereço. (…) Tivemos um casamento extraordinário, somos mesmo uns sortudos por nos termos encontrado um ao outro. A parte boa desta doença de progressão lenta é que tivemos tempo para falar sobre muitas coisas ao longo de dez meses, não foi como se eu tivesse morrido num acidente de carro. Dissemos tudo o que tinha de ser dito. Foste uma mulher fantástica e sei que me amaste e que eu te amei. Bom, o tempo está a acabar. Amo-te muito Debbie. Adeus”.

Depois de ouvirem a mensagem, Simon e Debbie dão as mãos uma última vez. A câmara acaba por se afastar e não mostra o corpo do empresário de 57 anos já sem vida.

Uns criticaram a estação por ter transmitido o documentário, outros insurgiram-se contra o facto de a BBC não ter mostrado todo o processo.

Para saber mais, clique aqui