Economia

Portugal conseguiu recomprar mais de mil milhões de dívida nos mercados

O anunciado regresso português aos mercados está concluído. Numa operação de compra de títulos de longo prazo com datas de vencimento em 2017, 2018 e 2019, a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) conseguiu convencer os investidores a aceitar abdicar dos títulos em troca de um reembolso que permite ao Estado reduzir os custos com juros.


Recorde-se que, no início da semana, o IGCP tinha afirmado que o montante final de recompra estaria "sujeito às condições de mercado"; no fim de contas, os cofres públicos desembolsaram 1.075 milhões de euros nos três leilões. Na linha de Obrigações do Tesouro com vencimento em 2017, foram recomprados 349 milhões de euros; nos títulos com maturidade em 2018, foram devolvidos 150 milhões de euros e na linha de OT que vence em 2019 foram readquiridos 576 milhões de euros.