Politica

Arrow Global: Maria Luís Albuquerque é ouvida na quinta-feira

A ex-ministra das Finanças Maria Luís Albuquerque vai ser ouvida na quinta-feira pela subcomissão de Ética da comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias. Em causa está a sua contratação para administradora não executiva da empresa britânica Arrow Global.

Foi proposta, esta manhã, uma audição imediata da deputada do PSD. No entanto, como a convocatória para a audiência foi realizada na noite de terça-feira, o PS sugeriu o adiamento para o dia seguinte. Esta proposta recebeu a concordância dos restantes grupos parlamentares.

Maria Luís será assim ouvida, à porta fechada, na próxima quinta-feira, às 13h30. Recorde-se que a antiga ministra das Finanças foi contratada pela gestora de dívidas britânica, o que gerou várias críticas no que diz respeito à violação do estatuto dos deputados e do regime de incompatibilidades de titulares de altos cargos públicos – tudo por causa das ligações entre o seu novo empregador ao Banif.

De acordo com o documento do gabinete do Ministério das Finanças – requerido ao Governo pelo Bloco de Esquerda e PCP -, foram concedidos 423.428,99 euros, entre 2011 e 2015, a duas das subsidiárias do Arrow Global ) a título de "majoração à criação de emprego" e "crédito fiscal extraordinário ao investimento".