Internacional

Parlamento Europeu quer criar uma comissão de investigação para os Papéis do Panamá

A decisão foi tomada por unanimidade.

Numa reunião hoje em Estrasburgo, o Parlamento Europeu debateu o assunto “Papéis do Panamá”.

Nesse sentido, o parlamento pretende criar uma comissão de investigação para o caso de denúncias de fuga aos impostos através de paraísos fiscais. A comissão de investigação será oficializada em maio.

Segundo uma nota de imprensa, a decisão foi tomada por unanimidade numa reunião onde estiveram reunidos líderes das bancadas políticas e o presidente do Parlamento Europeu.

Assim sendo, o mandato da comissão especial será votado a 4 de maio em conferência de presidentes e terá de ser aprovado pelo plenário do parlamento que vai reunir-se dias mais tarde, de 9 a 12 de maio.

“Ainda é muito fácil para muitas empresas e indivíduos evitar os impostos no estrangeiro. Isto tem que parar”, disse o eurodeputado Guy Verhofstadt. “A criação deste comité é um passo chave para desvendar a verdade e tomar medidas legislativas adequadas para evitar que isto volte a acontecer”, acrescentou.