Politica

BE não quer sair da Europa

Mariana Mortágua aproveitou o debate do Programa de Estabilidade para deixar claro que o BE não defende a sair da Europa, mas que isso não impede os bloquistas de tentarem renegociar "regras melhores para os povos" europeus.

"A Europa também é a minha casa", afirmou a deputada bloquista, explicando que a atitude do seu partido será a de bater-se por regras mais justas no seio das instituições europeias e não pela saída de Portugal da União Europeia.

Mariana Mortágua frisa, de resto, que não existe uma maioria que defenda as regras do Tratado Orçamental tal como elas estão.

"Não, não existe. nem aqui nem em Bruxelas", defende Mortágua, que realça, porém, a união da maioria de esquerda que apoia o Governo no Parlamento.

"Existe uma maioria para acabar com austeridade e começar a recuperar salários e pensões. Sim, isso existe", afirmou a deputada, que aproveitou o debate para voltar a falar no Novo Banco e a mostrar-se contrária à sua privatização, que o Governo está a tentar ainda concretizar.