Vida

Bebé nasce com 31 dedos

Não é caso inédito, mas não deixa de ser notícia em todo o mundo. Na China, um bebé nasceu com 15 dedos nas mãos e 16 nos pés.

Hong Hong, atualmente com quatro meses, nasceu em janeiro, na província de Hunan, e foi-lhe diagnosticado polidactilia, um problema congénito que faz com que cresçam extremidades digitais a mais nas mãos ou nos pés, lê-se na CNN.

Uma doença que costuma passar de geração em geração, como é o caso da mãe de Hong Hong – tem seis dedos em cada mão e pé.

Estes ‘dedos-extra’ costumam crescer numa das mãos ou num dos pés, e apenas um ou dois dedos em cada membro. O caso de Hong Hong, porém, é bem mais grave: tem este problema nos dois pés e nas duas mãos, para além de ter duas palmas em cada mão, e não tem polegares, adianta o Huffington Post.

Os pais de Hong Hong ainda estão a tentar perceber qual a melhor alternativa para solucionar o problema do bebé.

Os médicos explicaram à família que a melhor opção seria submetê-lo a uma intervenção cirúrgica, mas é uma operação cara e complicada, especialmente para o bebé, que precisa não só de remover os dedos, mas também de reconstruir polegares – essenciais para qualquer pessoa conseguir agarrar um objeto. E para isso, precisam de cerca de 26 mil euros.

Neste momento, porém, terão de aguardar, uma vez que Hong Hong ainda é demasiado novo para ser operado - os especialistas aconselharam a que fosse operado entre os seis meses e um ano de idade.

Segundo o Guinness World Record, citado pelo Hufington Post, a pessoa que nasceu com o maior número de dedos nas mãos e nos pés foi Akshat Saxena, na Índia em 2010: 34 dedos (14 nas mãos e 20 nos pés).