Politica

Socialistas questionam governo sobre atribuição dos fundos

Os deputados socialistas entregaram hoje, no parlamento, um requerimento a questionar o governo sobre os motivos que levaram a que 70% das candidaturas aos fundos comunitários tenham sido rejeitadas.

“Essa proporção, de 7 em cada 10 candidaturas, é demasiado preocupante para não ser objeto da devida avaliação dos motivos que levam a um número tão elevado de candidaturas consideradas não elegíveis”, afirmam os deputados socialistas.

O documento, elaborado pelos deputados Fernando Jesus, António Eusébio, Ricardo Bexiga e Joana Lima, alerta ainda que “a morosidade dos processos administrativos, por parte das entidades avaliadoras, é outra das preocupações”.

“Estão a ser goradas as expectativas dos empresários e, contrariamente ao que seria desejável, o Portugal 2020 não está a alavancar da forma devida o investimento dos nossos empresários”, diz o requerimento.