Economia

Banif: 'Fontes documentais' estiveram na base da notícia da TVI

O diretor de informação da TVI revelou hoje na comissão de inquérito ao Banif que a notícia sobre o fecho do Banif, divulgada uma semana antes da resolução fo banco, foi obtida por jornalista da redacção com base em “fontes documentais”.

“Na noite de domingo recebi contactos da redacção a dizer que estava confirmado por fontes documentais, que a resolução iria ser desencadeada na semana seguinte”, explicou Sérgio Figueiredo.

O diretor do canal de televisão garantiu que essas informações e que os contactos com as partes interessadas foram feitos “antes, durante e depois” da publicação de uma nota de rodapé.

E garantiu a informação “credível” da estação, mesmo que nem todos os envolvidos tivessem sido contactados. “Se eu tenho uma carta do governador para o ministro das Finanças, do dia anterior à notícia,é suficiente para avançar com a notícia da TVI”, sustentou.

Sérgio Figueiredo lembrou que, antes da notícia do canal, outros meios de informação tinham aludido à situação do banco. Na sexta-feira anterior à notícia, por exemplo, a CMVM tinha pedido esclarecimentos à administração do banco depois de uma notícia do “Público”.