Vida

Cliente com alergia a amendoins morre e dono do restaurante vai preso

O dono de um restaurante indiano foi condenado, esta segunda-feira, a seis anos de prisão depois de ter dado comida que continha amendoins a um cliente alérgico a frutos secos.

O incidente ocorreu no Reino Unido, em janeiro de 2014.

Paul Wilson, de 38 anos, foi a um restaurante indiano e pediu um frango tikka masala para levar, mas especificou que queria “sem amendoins”, lê-se no Independent.

Apesar de a tampa do recipiente ter escrito que o cliente tinha pedido a comida sem amendoins, a comida que lhe foi dada tinha sido cozinhada com frutos secos em pó, que incluía amendoins. O britânico entrou em choque anafilático em casa e acabou por morrer.

A acusação argumentou que Mohammed Zaman, de 53 anos, tinha trocado o pó de amêndoas por uma mistura de frutos secos para poupar dinheiro, privilegiando “o lucro em vez da segurança”

Zaman, proprietário de seis restaurantes e com uma dívida que chega quase às 300 mil libras, foi condenado pelo homicídio involuntário de Paul Wilson.

Três semanas antes deste incidente, uma jovem de 17 anos tinha tido uma reação alérgica também por causa de uma refeição consumida num outro restaurante do mesmo dono.