LifeStyle

Chega sempre atrasado? Pode estar louco

O jornal The Times divulgou hoje um estudo que defende a possibilidade de os atrasos crónicos estarem diretamente ligados a uma tipo de insanidade.

Tim Urban, responsável pelo estudo, defende que as pessoas que constantemente se atrasam para os compromissos olham para o tempo de uma forma irracional e podem ter “uma bizarra compulsão de se bater a si próprias” ao terem consciência que não vão conseguir cumprir os planos por elas definidos.

Segundo a publicação britânica, Clips foi o acrónimo escolhido pelo autor para definir este tipo de pessoas. Significa ‘chronically late insane people’ (pessoas insanas cronicamente atrasadas).

Negação em relação à forma como o tempo funciona, ter aversão a mudar de circunstâncias ou estarem “zangados” consigo próprios, são algumas das razões apontadas por Tim Urban para este tipo de comportamento.