Internacional

Programa eleitoral do Podemos e catálogo do Ikea. Descubra as diferenças

     

À primeira vista pode parecer-lhe um simples catálogo da loja Ikea mas, na realidade, trata-se do programa eleitoral do partido espanhol Podemos. 

E, tal como nos catálogos da loja sueca, é possível ver móveis, salas, quartos e cozinhas. Mas não é só isso que interessa. Interessa passar a mensagem e, em forma de catálogo, fazê-lo de forma muito mais original, atraindo o maior número possível de leitores.

A escolha foi já justificada pelo partido. "Há momentos na história em que para defender os princípios que nos ensinaram os nossos pais, há que utilizar novas ferramentas. A 26 de junho o nosso país tem a oportunidade de estrear um futuro novo. Junta-te ao país que aí vem".

"É necessário remodelar os nossos espaços de trabalho para nos adaptarmos aos novos tempos e conquistar, assim, mais e melhores direitos. Chegou a hora de pôr a economia espanhola no lugar que lhe corresponde, tanto na Europa como no mundo", pode ler-se no catálogo.

O objetivo é que o programa seja "o mais lido" e está à venda no site do partido por 1,80€. 

Ao longo de todo o catálogo é possível ver vários dirigentes do Podemos a realizar tarefas dentro de várias partes de casa. As fotos vêm acompanhadas com pequenos textos: cada um descreve uma proposta.

As propostas apresentadas não são muito diferentes das que Pablo Iglesias, o líder do Podemos, apresentou a para as eleições realizadas a 20 de dezembro. Mas, com a coligação do partido com a Izquierda Unida - formando o Unidos Podemos - foram feitas algumas alterações.

A coligação Unidos Podemos aparece em segundo lugar nas sondagens espanholas, ultrapassando o PSOE de Pedro Sánchez, que está em terceiro lugar. Em primeiro está o PP de Mariano Rajoy.