Vida

Ex-concorrente do The Voice assassinada após concerto

Tinha 22 anos


A cantora Christina Grimmie, de 22 anos, foi alvejada esta sexta-feira quando estava a dar autógrafos depois de um concerto, em Orlando, na Florida (EUA).

A norte-americana, que se tornou conhecida do grande público depois de participar no concurso de talentos ‘The Voice’, ainda foi encaminhada para o hospital, mas acabou por não resistir aos ferimentos e morreu.

O autor do crime, que tinha consigo duas armas, munições e uma faca de caça, suicidou-se após o irmão da cantora o ter atacado.

“O irmão [de Christina] é um herói por ter salvado várias pessoas e tê-lo impedido de magoar outras”, afirmou a porta-voz da polícia de Orlando, Wanda Miglio.

Segundo as autoridades, citadas pela CNN, o homem de 21 anos não era oriundo de Orlando e ter-se-á deslocado de propósito até à cidade para cometer o crime. As autoridades estão agora a revistar o computador, telemóvel e outros pertences do indivíduo para apurar as causas deste crime.

Apesar de o espaço ter seguranças, não há detetor de metais e as pessoas não são revistadas antes de entrarem no recinto.

São várias as pessoas, tanto celebridades como anónimos, a prestarem homenagem à cantora através das redes sociais com a tag #RIPChristinaGrimmie.