Internacional

Três pessoas assassinadas num escritório de advogados em Madrid

As vítimas são duas mulheres e um homem. 

Três pessoas foram assassinadas, esta quarta-feira, num escritório de advogados em Madrid (Espanha).

Segundo o El Mundo, as vítimas são duas mulheres e um homem de origem sul-americana. Uma foi degolada, outra tinha um golpe na cabeça e a terceira foi morta com um machado.

Os serviços de emergência receberam um alerta, por volta das 18h40 locais, sobre pessoas possivelmente intoxicadas devido a um incêndio. Quando chegaram ao local, encontraram papéis a arder e uma grande quantidade de fumo.

Num dos gabinetes estava um homem, de 42 anos, com um golpe na cabeça e em paragem cardiorrespiratória. Apesar de terem sido realizadas manobras de reanimação, o indivíduo acabou por não resistir aos ferimentos.

As duas mulheres, com idades entre os 30 e os 35 anos, estavam noutro gabinete. Uma delas degolada e já sem vida, e outra com um golpe na cabeça e em paragem cardiorrespiratória, mas também acabou por morrer.

Ainda estão por apurar a causa dos homicídios. As vítimas não tinham documentos, adiantaram fontes da investigação à agência Efe.