Internacional

Diretor financeiro do Vaticano investigado por abusos sexuais de crianças

George Pell já reagiu

O presidente do Departamento de Economia do Vaticano, George Pell, está a ser investigado pela polícia australiana por alegados abusos sexuais de crianças, avança o Australian Broadcasting Corporation.

Pell já reagiu a estas acusações, dizendo que são “totalmente falsas”.

A investigação, que já dura há mais de um ano, foca-se em casos que ocorreram na década de 70 e 80.

Recorde-se que, quando foi arcebispo de Sydney, em 2002, Pell foi acusado de antigos abusos sexuais, mas acabou por ser declarado inocente.