Desporto

A falta de fair play levou-o a ser expulso pela própria equipa

Judoca egípcio é expulso depois de não cumprimentar adversário

O judoca egípcio Islam El Shehaby acabou por ser expulso – pela sua própria equipa – depois de ter recusado cumprimentar o adversário Or Sasson, de Israel, após ter sido derrotado pelo atleta israelita, nos Jogos do Rio.

Shehaby, que acabou por ser vaiado pelo público presente, acabou mesmo por ter uma ‘surpresa’ maior quando a sua equipa o expulsou, pela má conduta.

O atleta, que competia na categoria dos 100kg, deixou o adversário ‘pendurado’ e a atitude gerou revolta tendo mesmo sido investigada por parte do Comité Olímpico Internacional (COI), sem a existência de uma queixa formal.

Recorde-se que Islam El Shehaby foi derrotado na fase eliminatória por Or Sasson.