Economia

Recapitalização da Caixa aprovada por Bruxelas

O Ministério das Finanças já obteve luz verde da Comissão Europeia para recapitalizar a Caixa Geral de Depósitos, avança o Público. Segundo o jornal, a comissária europeia da Concorrência, Margrethe Vestager, fechou na terça-feira as negociações com ministro das Finanças, Mário Centeno. Haverá uma injeção direta de 2,7 mil milhões de euros no banco público, embora o montante total da operação atinja 4,6 mil milhões de euros.

A recapitalização da Caixa será feita através de três mecanismos. Além dos 2,7 mil milhões injetados diretamente pelo Tesouro, o empréstimo de 900 milhões de euros que o Estado fez ao banco em 2012 será convertido em capital. O empréstimo feito durante o programa da troika já tinha sido feito através de títulos de dívida convertíveis em ações – os chamados CoCos.

Por último, escreve o Público, haverá 1.000 milhões que poderão ser conseguidos através da emissão de obrigações por parte do banco, levando o total da operação para 4,6 mil milhões de euros - um valor em linha com o que tinha vindo a ser noticiado.

Com a aprovação da recapitalização, está dado mais um passo para a reeestruturação da Caixa, cuja nova administração liderada por António Domingues deve tomar posse antes do final do mês.