Sociedade

Professor de xadrez detido por suspeitas de pedofilia

Abusos duraram mais de um ano

DR  

A Polícia Judiciária deteve hoje em Braga um professor de xadrez suspeito de ter abusado de uma criança de 10 anos. Os vários crimes aconteceram “entre junho de 2015 e julho de 2016” naquela cidade.

Fonte oficial da PJ explica que o suspeito, de 37 anos, “terá praticado os abusos aproveitando-se de uma relação de proximidade, por ministrar aulas de xadrez à menor”.

O homem será presente a primeiro interrogatório judicial nas próximas horas para que lhe sejam aplicadas as medidas de coação.