Economia

Produção automóvel cai 36% em agosto

Do total de veículos produzidos, mais de 95% foram exportados. Europa foi o principal mercado.

Foram produzidos em Portugal 2768 veículos automóveis em agosto, o que correspondeu a uma queda de 36% face ao mês homólogo do ano anterior.

Esta quebra foi determinada pela queda no fabrico de automóveis ligeiros de passageiros (-61,7%), já que se verificou um crescimento na produção de comerciais ligeiros (+6,8%) e de pesados (+52,5%).

Do total de veículos produzidos, 2561 destinaram-se à exportação, ou seja, 92,5% da produção nacional. Mas também aqui se verificou um decréscimo de 39,2% nas exportações face a igual mês do ano anterior.

Nos oito primeiros meses de 2016 foram produzidos em Portugal 97.159 veículos automóveis, ou seja, menos 9,5% do que no período homólogo do ano anterior, com a seguinte distribuição por categorias e tipos: 66.860 automóveis ligeiros de passageiros (-17,0% que em igual período do ano anterior), 27.557 veículos comerciais ligeiros (+12,6%) e 2.742 veículos pesados (+19,6%).

As exportações nacionais nos primeiros oito meses de 2016 ascenderam a 92.107 veículos, ou seja, menos 10,8% do que no período homólogo do ano anterior, tendo representado 94,8 do total da produção nacional.

Por regiões de destino, nos primeiros oito meses do ano, a Europa absorveu 91,1% das exportações nacionais de veículos automóveis, seguindo-se-lhe a Ásia que registou uma penetração nas exportações nacionais de veículos de 6,4% com a China a dominar a região com 5,3% do total. Importa salientar igualmente a África que adquiriu 2% das exportações do nosso país.

Por países, a Alemanha (24,1%) e a Espanha (16,9%) lideraram os nossos principais mercados de exportação nestes oito primeiros meses do ano.