Opiniao

Novo ano imobiliário começa em outubro

Em Portugal cada Ano Novo imobiliário começa, regra geral, em outubro que é o mês que costuma acolher o Salão Imobiliário de Portugal (SIL) um marco do sector e da Feira Internacional de Lisboa (FIL). Este ano com início a 5 de Outubro, a edição 2016 volta a estar muito foco na internacionalização da nossa oferta imobiliária.

O SIL 2016 conta com a visita já programada de investidores chineses,franceses e árabes, além dos encontros de promotores e de investidores da Lusofonia (Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Angola, Guiné Bissau, Macau / China) com as habituais sessões de “Speed Networking”, ou seja, sessões de aprofundamento de relações profissionais entre parceiros de sector destes países.

Como tem acontecido nas últimas edições, em que tenho assumido a responsabilidade de presidir à respetiva comissão estratégica, o próximo salão irá também eleger a Reabilitação Urbana como um dos principais temas, que terá projeção nas conferências e até nos prémios que marcarão o SIL 2016.

Com a colaboração da Câmara Municipal de Lisboa, do Instituto de Habitação e Reabilitação de Lisboa (IHRU,) da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, da Associação de Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP) e da Confederação da Construção e do Imobiliário de Língua Oficial Portuguesa (CIMLOP), o SIL 2016 abre-se também a muitas áreas de serviços ligadas ao imobiliário.

Por tudo isto é bem verdade que cada novo ano imobiliário começa, em Portugal, em Outubro, na grande festa do SIL, que reúne a procura e a oferta deste mercado contando também com a presença de importantes especialistas, como sejam os que comparecem no salão a representar as instituições financeiras que também estão presentes no imobiliário e os investigadores universitários da Arquitetura, da Engenharia e do Urbanismo.

Como sempre também, desde 2010, o Salão Imobiliário de Portugal (SIL) tem acolhido, em paralelo, a Reunião de Outono da Confederação da Construção e do Imobiliário de Língua Oficial Portuguesa (CIMLOP) que este ano decorrerá de 5 a 7 de Outubro, e voltará a ser um momento alto de uma confederação empresarial que marca a Comunidade de Países de Língua Oficial Portuguesa.

Os encontros de outono da CIMLOP consolidam ainda mais a ideia de que cada Novo Ano imobiliário começa, em Portugal, por volta do mês de Outubro. Dificilmente encontraríamos melhor data para iniciar o novo ano imobiliário.

Preparando a festa, faço desde já votos para que o ano novo em preparação, o ano que irá mediar entre o SIL 2016 e o SIL 2017, seja mais afirmativo para o imobiliário, sem as hesitações que ainda vão sendo detetadas em muitas situações desta atividade tão importante para a recuperação económica do país.

 

*Presidente da CIMLOP – Confederação da Construção e do Imobiliário de Língua Oficial Portuguesa

presidente@cimlop.com