Economia

PT. Salários mais baixos aumentam 15 euros

No total são beneficiados cerca de 2 mil trabalhadores do grupo.

A administração da Portugal Telecom (PT) e os sindicatos subscreveram na segunda--feira o acordo coletivo de trabalho (ACT), pondo fim a anos de negociação e com cláusulas que beneficiam os trabalhadores mais jovens do grupo.

No concreto, embora a empresa não tenha manifestado abertura para aumentos salariais, foi possível negociar uma subida mensal de 15 euros nos salários inferiores a 725 euros e negociar outros suplementos, como o pagamento de deslocações no trabalho suplementar ou o subsídio especial de refeição, que as camadas mais jovens ainda não tinham.

Foi também ajustado o valor das ajudas de custo de 7,5 euros para 8,15 euros. No total são beneficiados cerca de 2 mil trabalhadores do grupo.