Economia

Desemprego mantém tendência de descida

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou ontem a estimativa definitiva da taxa de desemprego em agosto e a provisória para Setembro. O valor da primeira fixou-se em 10,9% e da segunda em 10,8%. Em relação á mesma estimativa de 2016 a descida foi de 1,6%. 

De acordo com os números divulgados em setembro havia mais de 555.600 pessoas desempregadas – menos 4.500 que em Agosto - enquanto mais de 4 milhões e meio de pessoas tinha emprego.

O INE revela ainda que a taxa de desemprego de setembro entre as mulheres, 11,1%, ultrapassou a dos homens: 10,6.%.Entre os jovens a taxa situou-se em 26,5%, menos 0,2 pontos percentuais em comparação com agosto. A taxa de desemprego dos adultos foi de 9,7%, o mesmo valor do mês anterior.

Por comparação com setembro de 2015 há mais 89.000 pessoas com emprego. De imediato o ministro das Finanças considerou que estes números são uma “aceleração” da tendência de descida do desemprego.