Desporto

Premier League. Yaya Touré pede desculpa a Guardiola

Técnico ficou satisfeito, mas não revelou se aceitou o pedido...

Yaya Touré veio esta sexta-feira a público pedir desculpa a Pep Guardiola, no sentido de voltar a ser opção no Manchester City.

O médio marfinense, de 33 anos, ainda só fez um jogo esta época, no play-off de acesso à Liga dos Campeões, tendo mesmo ficado de fora da lista elaborada por Guardiola para a fase de grupos da prova. Tal acontecimento espoletou a ira do seu agente, Dimitri Seluk. Depois disso, o treinador riscou Touré dos seus planos, garantindo que só voltaria a contar com o jogador quando o seu empresário pedisse desculpas.

"Quero pedir desculpas (em meu nome e de quem me representa) à equipa técnica e a quem trabalha no clube pelos mal-entendidos do passado. Esses comentários não representam a minha visão do clube nem das pessoas que trabalham cá", escreveu o jogador nas redes sociais, garantindo ainda ter "o máximo respeito" pelo Manchester City e dizendo-se "orgulhoso" por ter ajudado a escrever parte da história do clube.

Esta sexta-feira, Guardiola confirmou ter conversado de manhã com Yaya Toure, mas não esclareceu se a situação está ultrapassada e o médio volta a estar à sua disposição. "Falámos esta manhã. É um assunto privado. Sei o que ele disse e sei o que é importante para o Manchester City", afirmou o técnico em conferência de imprensa, afirmando porém: "São boas notícias para o City", além de lembrar que Touré nunca foi posto à parte do grupo, apesar de não jogar. "Esteve em todos os nossos treinos. Nada mudou para ele", frisou.