Sociedade

Estudo revela pela primeira vez os estragos que o tabaco causa nas células

O tabaco tem sete mil químicos, 70 cancerígenos. Um estudo publicado na “Science” revelou os estragos que causa nas células e que aumentam o risco de mais de 17 cancros, sobretudo no pulmão. Pela primeira vez, os cientistas conseguiram contabilizar o número de mutações no ADN que um fumador acumula ao longo da vida. O i falou com o autor do trabalho, Ludmil Alexandrov, do Laboratório Nacional de Los Alamos, nos Estados Unidos.