Economia

FMI: Portugal vai pagar dois mil milhões em antecipado

Os dois mil milhões correspondem a duas tranches do empréstimo, mais de 10% do montante em dívida

O secretário de Estado das Finanças anunciou, esta terça-feira, o pagamento antecipado de dois mil milhões de euros, no âmbito do empréstimo do FMI.

"Esta antecipação vai permitir poupar 80 milhões de euros", afirmou Mourinho Félix, à margem de um seminário sobre financiamento especializado promovido pela Associação de Instituições de Crédito Especializado (ASFAC), em Lisboa.

O governante adiantou que os dois mil milhões de euros irão permitir reduzir a despesa com juros no próximo ano, assim como as necessidades de financiamento de 2018 e 2019.

O valor corresponde a duas tranches do empréstimo, mais de 10% do montante em dívida.