Sociedade

Fernando Medina: “Muitas das obras na cidade ganham em ser feitas ao mesmo tempo”

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa sublinhou, em entrevista à TSF, que os prazos previstos para a execução das empreitadas vão ser cumpridos

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa garantiu hoje que, apesar do transtorno causado pelas obras, a cidade nada tem a perder com tantas obras a decorrer em simultâneo. “As obras são essenciais para a cidade e muitas ganham em ser feitas todas ao mesmo tempo", disse o presidente em entrevista à TSF.

O autarca sublinhou ainda que o incómodo – que tem sido sentido, sobretudo, no trânsito – é temporário e que, assim que as empreitadas terminarem, os lisboetas vão sentir diferenças. “Há aqui um incomodo que é temporário, mas uma vez concluídas as obras não tenho dúvidas de que todos teremos uma cidade melhor”, realçou. “Valerá a pena”.

Na mesma entrevista, Fernando Medina disse ainda que, em matéria de prazos, tudo está a ser cumprido e que a partir de janeiro começam as inaugurações. “Estão todas a correr dentro dos calendários previstos, as da Avenida da República estarão concluídas em janeiro, e as da frente ribeirinha no início do segundo trimestre do próximo ano, tudo dentro do prazo”, garantiu.