Sociedade

Ambiente: Loulé é o município mais sustentável

Cascais ficou em segundo lugar, seguido por Guimarães, Águeda, Lousã e Pombal.

O concelho de Loulé foi considerado o município mais sustentável em 2016, conquistando o primeiro lugar no ranking realizado pelo programa ECOXXI

"É o reconhecimento de um trabalho muito intenso, mas é também um estímulo para, a cada ano, aumentar ainda mais a percentagem", afirmou Vítor Aleixo, presidente da Câmara Municipal de Loulé, durante a cerimónia de entrega das bandeiras verdes, que decorreu no sábado, em Coimbra.

Cascais ficou em segundo lugar, seguido por Guimarães, Águeda, Lousã e Pombal.

O ranking foi feito com base na avaliação de vários indicadores, como a qualidade do ar e da água, conservação da natureza e mobilidade sustentável.

De todos os parâmetros avaliados, a qualidade da água para consumo humano é o indicador com pontuação média mais elevada. Já o critério relacionado com o ambiente sonoro foi aquele que os municípios tiveram mais dificuldades em cumprir.

Este galardão foi implementado em Portugal em 2005, pela Associação Bandeira Azul da Europa, e tem como objetivo premiar as boas práticas e políticas ambientais.

"A participação é uma prova de coragem, porque os municípios ficam sujeitos a avaliação e assumem o compromisso de melhorar o que é necessário", afirmou o presidente da Associação Bandeira Azul da Europa, José Archer.