Economia

BCE decide estímulos a 8 de dezembro

O Banco Central Europeu (BCE) vai decidir na reunião de 8 de dezembro se mantém ou se acaba com a sua política de estímulos monetários, dando assim por encerrada a especulação sobre se a decisão poderia ser adiada para janeiro de 2017.

"Na nossa reunião de política monetária em dezembro avaliaremos as várias opções que permitirão ao conselho do BCE manter o elevado nível de política acomodatícia para assegurar a convergência sustentada da inflação para níveis abaixo, mas perto dos 2% a médio prazo”, disse o presidente do BCE. "Esta é uma decisão do Conselho que será tomada em dezembro", acrescentou Mario Draghi que falava no Parlamento Europeu.

O programa de compra de obrigações da dívida soberana do BCE, no valor de 1,74 milhões de milhões de euros, terminará em março e o conselho do BCE decide um eventual prolongamento em função da recuperação da inflação e ddos riscos políticos. 

Draghi disse ainda que a recuperação da zona do euro tem resistido à incertezas económica e política e que a recuperação da região deverá continuar, em parte devido aos estímulo monetário do BCE.