Economia

OPEP corta produção de petróleo

A organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) acordou ontem o primeiro corte na produção de petróleo desde 2008.

O corte, anunciado após uma reunião do cartel em Viena, está em linha com o acordo conseguido em Argel em setembro que previa uma diminuição da produção de 33,6 milhões de barris de petróleo por dia (bdP) para 32,5 milhões.

A este corte há que juntar ainda uma diminuição da produção em 600 mil bdp por países que não pertencem à organização. A Indonésia pediu para suspender a sua pertença à OPEP, o que já ajuda à redução total por parte do cartel.

“O que quer que seja que façamos na OPPE será tendo em consideração a economia global como um todo”, disse em conferência de imprensa um responsável da OPEP. “O nosso objetivo é um mercado reequilibrado e um preço justo ”, sustentou  Mohammed Bin Saleh al-Sada.