Internacional

Uma criança morta a cada 10 minutos no Iémen

Informações da UNICEF chocam comunidade internacional 


No Iémen, uma criança morre a cada dez minutos por subnutrição ou doenças relacionadas. É a representante da UNICEF - uma agência das Nações Unidas - que o garante. Meritxell Relano afirmou à imprensa que "é um máximo histórico e está a aumentar".

Cerca de 2.2 milhões de jovens do Iémen estão subalimentados devido ao colapso do sistema de saúde verificado com o conflito que assola o país. É o Estado mais pobre do Médio Oriente.

Este ano, a organização internacional já forneceu tratamento a 215 mil crianças no Iémen, mas o problema ainda está longe da resolução. A dificuldade em alcançar as famílias em áreas afetadas por confronto armado é um das maiores entraves ao fim da tragédia humanitária. 

Os comentários estão desactivados.