Desporto

Jogador da Chapecoense que sobreviveu a acidente sonhou com queda do avião

O jogador tinha dito à mulher no dia anterior do voo que sonhou que o avião iria cair

Depois de ter acordado do coma no passado sábado, o defesa central da Chapecoense Hélio Neto teve conhecimento do trágico acidente de avião que matou 71 pessoas, entre as quais 19 colegas de equipa.

A revelação foi feita esta segunda-feira pelo médio Carlos Mendonça, depois de a equipa médica ter decidido contar a verdade ao jogador, uma vez que não existia qualquer problema na recuperação clínica e no estado emocional do mesmo.

"No início, ficou muito emocionado porque não sabia, mas é muito forte e entendeu. Fiquei quase duas horas no quarto a conversar com ele sobre esse assunto. Ele perguntou-me sobre tudo, eu respondi sobre tudo e ele está totalmente consciente de tudo e acho que isso vai ser bom para a recuperação dele. Porque estava a ficar um peso muito grande para a família, principalmente, sobre a mulher. Ele perguntava-lhe e ela não podia falar. E gerava um transtorno muito grande. Então, levamos até onde deu. Ele está muito bem, tranquilo", disse o médico à Globo.

Carlos Mendonça revelou ainda que o jogador tinha dito à mulher no dia anterior do voo que sonhou que o avião iria cair.

“Provavelmente ele vai contar-vos que teve um sonho no dia anterior da viagem. Sonhou que o avião estava a cair, uma coisa bem dramática, e falou com a mulher que não queria voar. Então, isso ficou muito marcado para ele. Foi uma coisa muito chocante. Ele teve esse pesadelo", concluiu.

De relembrar que Hélio Neto foi o último sobrevivente do trágico acidente aéreo a ser resgatado e ainda se encontra na unidade de cuidados intensivos.