Cultura

As reações à morte de George Michael

Foi com surpresa que o mundo recebeu a notícia da morte de George Michael. As reações não se fizeram esperar.

As reações à morte de George Michael

Brian May, Elton John e Bryan Adams foram dos primeiros a lamentar a morte do cantor nas redes sociais.

Elton John lamentou a morte do amigo George Michael no Instagram.  "Estou chocado, perdi um grande amigo", escreveu o músico.

Bryan Adams também se mostrou surpreendido: "Não posso acreditar. Um cantor incrível e um excelente ser humano. Demasiado novo para nos deixar". 

"George? George Michael? Não... não pode ser. Muito triste", escreveu Brian May, histórico guitarrista dos Queen. 

Jeremy Corbyn, líder do Partido Trabalhista britânico também reagiu: "Foi um artista excepcional e um forte apoiante dos direitos LGBT e dos trabalhadores". 

Liam Gallagher, ex-Oasis, nem queria acreditar: "É melhor que isto do George Michael não seja verdade". 

O 'mayor' de Londres lembrou George Michael como "um talento incrível que trouxe alegria a milhões de pessoas com a sua música". 

A apresentadora Ellen DeGeneres considera que George Michael tinha um "talento brilhante". "Estou tão triste", acrescentou. 

Os comentários estão desactivados.