Internacional

Polícia alemã deteve suspeito de ser cúmplice do ataque de Berlim

O suspeito é tunisino, tem 40 anos e vive na capital alemã.


As autoridades germânicas detiveram um homem sob suspeita de estar ligado ao atentado terrorista que vitimou 12 pessoas em Berlim no dia 19 de dezembro.

Segundo a imprensa alemã, o homem detido na manhã desta quarta-feira tem 40 anos, é tunisino e vive em Berlim.

A polícia terá feito buscas na casa e no trabalho do homem em Berlim depois de os investigadores terem encontrado os contactos do homem no telefone de Anis Amri, alegado autor do ataque que foi morto em Milão.

Os comentários estão desactivados.