Sociedade

Casal-herói que distribuiu água na A1 está a passar por dificuldades

Lucinda Borges está gravemente doente e o seu marido, Paulo Borges, está desempregado.


O casal que foi intitulado como herói por ter distribuído água aos vários condutores que ficaram retidos na A1, depois de um incêndio ter obrigado ao corte da estrada junto a Albergaria-a-Velha, no distrito de Aveiro, está a passar por momentos difíceis.

Segundo uma reportagem da TVI, Lucinda Borges está gravemente doente e o seu marido, Paulo Borges ficou desempregado.

O homem garantiu que,se fosse hoje, não voltaria a fazer o mesmo isto porque a família já não tem fundos para isso.

"Na altura calhou bem porque tinha recebido dinheiro de um trabalho que tinha feito. E foi tudo. Agora já não tenho nada”, disse Paulo Borges.

“Este ano nem um presente podemos dar à nossa filha. Foi muito complicado”, disse emocionada, explicando que o dia de Natal da filha foi passado na casa de umas “pessoas amigas” que lhe deram “comida e presentes”, acrescentou de lágrimas nos olhos a mulher Lucinda Borges.

A mulher garante ainda e, sem vergonha, que estão a passar por momentos difíceis e que neste momento são eles que precisam de ajuda.

“Não tenho vergonha de dizer que agora quem precisa mesmo de uma ajuda sou eu”, disse, garantindo que “nem tudo se paga” e que, por isso, “às vezes basta um gesto, um sorriso ou um abraço”, concluiu.

Recorde-se que estavam 40 graus e os condutores estavam sem comida, bebida e sombra para suportar o calor que se fazia sentir quando o casal apareceu e começou a distribuir garrafas de águas por todos os que ali se encontravam.