Cultura

Quando Jemima Kirke tentou deixar “Girls”

 “Às vezes ficava a pensar: ‘É mesmo assim que ela me vê?’”

Já por várias vezes Lena Dunham e Jemima Kirke falaram sobre as dificuldades em gerir a sua amizade enquanto trabalham juntas em “Girls”, série da HBO que em fevereiro estreia a sua sexta e última temporada. Mas numa entrevista publicada agora pela “Glamour”, que faz capa com as quatro protagonistas da série, as duas foram mais longe ao revelar que Kirke chegou a tomar a decisão de deixar a série criada por Lena Dunham, sua amiga de longa data.

“Lembro-me de estar num táxi e de a Jemima me ligar e de dizer algo do género, ‘Tenho que te dizer uma coisa, não é grave, não quero que te passes. Quero deixar a série’”, recordou Dunham na entrevista. E Kirke acrescentou: “O meu sentido de quem eu era e do que queria estava muito frágil. Eu não fazia mesmo ideia do que estava a fazer.” Foi na altura em que a sua personagem, Jessa, se tinha decidido casar de um dia para o outro um quase desconhecido.

Já numa entrevista ao podcast “Women of the Hour”, de Lena Dunham, Kirke tinha falado sobre essa fase, sobre como não estava segura com a sua carreira de atriz – antes de “Girls”, Kirke trabalhava sobretudo como artista plástica – e sobre o seu desconforto com a forma como estava a evoluir a sua personagem.

“Criaste esta personagem para mim e por vezes o que acontece é que sinto que estava a ser transformada numa caricatura, porque sei que isto é muito sobre a minha vida”, disse Kirke a Dunham, acrescentando: “Às vezes ficava a pensar: ‘É mesmo assim que ela me vê?’” As diferenças entre as duas foram depois resolvidas, tanto que aparecem numa entrevista conjunta na capa da “Glamour”, a propósito da estreia da última temporada da série, já em fevereiro.