Vida

Mulher morre envenenada por formigas

Os autores do crime terão confundido a mulher e os seus dois filhos com ladrões 


Uma mulher, de 52 anos, acabou por morrer depois de ter sido espancada e amarrada a um tronco de uma árvore repleto de formigas venenosas, em Caranavi, na Bolívia.

Os alegados autores do crime terão confundido a mulher e os seus dois filhos, de 22 e 28 anos, respetivamente, com ladrões de automóveis que andava a rondar a cidade.

As vítimas foram amarradas ao tronco até serem resgatadas pelas autoridades locais. Foram transportadas para o hospital, onde a mulher viria a morrer devido a uma inflamação na traqueia que a impedia de respirar.

Os jovens continuam internados.

Os comentários estão desactivados.