Desporto

Ténis. Federer bate Wawrinka e é o primeiro finalista no Open da Austrália

Suíço espera agora pelo vencedor do confronto entre Rafael Nadar e Grigor Dimitrov


Roger Federer é o primeiro finalista masculino do Open da Austrália, o primeiro Grand Slam da temporada. O antigo número 1 do mundo, hoje 17º após longa paragem por lesão, bateu o compatriota Stanislas Wawrinka, quarto cabeça de série, em cinco sets: 7-5, 6-3, 1-6, 4-6 e 6-3.

O tenista suíço, de 35 anos,espera agora o vencedor do embate entre o espanhol Rafa Nadal e o búlgaro Grigor Dimitrov, agendado para esta sexta-feira. Esta é a sexta final de Federer em Melbourne e a 28ª em Grand Slams na carreira - não chegava a esta fase de um Major desde o US Open de 2015, que perdeu para o sérvio Novak Djokovic.

Na vertente feminina, um cenário visto pela primeira vez em oito anos num Grand Slam: as irmãs Williams irão defrontar-se na final - a última vez que tal havia acontecido foi em 2009, em Wimbledon. As duas tenistas norte-americanas garantiram esta quinta-feira um lugar no encontro decisivo do Open da Austrália.

Venus entrou primeiro em ação, batendo a compatriota CoCo Vandeweghe pelos parciais de 6-7 (3/7), 6-2 e 6-3. Aos 36 anos, tornou-se na jogadora mais velha de sempre a chegar à final do torneio. Mais tarde, Serena derrotou a croata Mirjana Lucic-Baroni em dois sets, pelos parciais de 6-2 e 6-1, em apenas 50 minutos, garantindo a outra vaga na final.