Economia

VW chama à garagem milhares de carros

O grupo Volkswagen (VW) vai chamar à garagem, nos EUA, quase 600 mil carros para reparar defeitos que podem estar na origem de incêndios ou de falhas nos airbags.

Mais de 230 mil Audi A5, fabricados entre 2011 e 2017 poderão ter um problema de corrosão, passível de afectar o funcionamento dos airbags. Também as bombas de refrigeração de mais de 320 mil outros modelos da Audi, produzidos a partir de 2012 poderão aquecer e causar incêndios.

Há ainda quase seis mil outros veículos, da marca Audi e também da marca VW que poderão ter problemas semelhantes.

A decisão de levar os veículos a reparação veio de pois de vários incidentes no ano passado, em China e Israel, apesar de nos EUA não ter havido qualquer morte com origem nestes problemas. os veículos surgiu após uma série de incidentes na China e em Israel, em 2016.

Os concessionários vão realizar todas as reparações e substituir as peças necessárias gratuitamente, disse a Volkswagen.