Desporto

FC Porto. Óliver é dragão em definitivo

Azuis e brancos comunicam compra do passe do médio por 20 milhões de euros

FC Porto. Óliver é dragão em definitivo

O FC Porto exerceu a opção de compra de Óliver Torres. Em comunicado emitido à CMVM (Comissão do Mercado de Valores Mobiliários), os dragões revelam que irão pagar os 20 milhões de euros acordados com o Atlético de Madrid aquando do empréstimo do médio espanhol no início da temporada.

Em agosto, a SAD portista havia comunicado ter celebrado com os colchoneros um acordo de cedência de Óliver até 31 de dezembro de 2017, especificando que o contrato contemplava "opção de compra definitiva dos direitos" do jogador. Esta terça-feira, porém, o Diretor de Comunicação e Informação do FC Porto revelou a existência da obrigatoriedade de compra de Óliver. De acordo com o comunicado desta quinta-feira, porém, o contrato de trabalho com Óliver enquanto jogador do FC Porto em definitivo só terá início após o fim do empréstimo.

Óliver cumpre neste momento a segunda passagem pelo FC Porto. Na primeira, em 2014/15, cumpriu 40 jogos e sete golos. Regressou esta temporada, depois de um ano a jogar pelo Atlético de Madrid, somando para já 27 jogos e dois golos.

 

O comunicado integral do FC Porto à CMVM:

"A Futebol Clube do Porto – Futebol, SAD, de acordo com o artigo 248º nº1 do Código dos Valores Mobiliários e na sequência do comunicado feito no dia 25 de agosto de 2016, vem informar o mercado que exerceu a opção de compra para a aquisição dos direitos desportivos do atleta Óliver, pelo montante de 20.000.000€ (vinte milhões de euros), ao Club Atlético de Madrid.

Mais se informa que o contrato de trabalho com o jogador, para as épocas seguintes, será efetivado após término do contrato de empréstimo em vigor".

Os comentários estão desactivados.