Economia

Banco Popular pondera vender todos os ativos em Portugal

Banco espanhol tem levado a cabo um plano de reestruturação e isso implicou a passagem do banco Popular Portugal para sucursal de Espanha.

O Banco Popular espanhol equaciona vender toda a unidade portuguesa, depois de ter transformado recentemente a sua operação numa sucursal espanhola.

Esta alienação fará parte de um conjunto de activos que a instituição espanhola está a considerar alienar como plano alternativo à realização de outro aumento de capital, depois de os acionistas terem sido chamados a injectar 2,5 mil milhões de euros no banco, em Maio, revela o Cinco Días.

A instituição financeira tem em marcha um plano de reestruturação para devolver solidez à instituição financeira que fechou o ano de 2016 com um resultado negativo de quase 3500 milhões de euros

Este plano já teve reflexos no mercado português com a redução de cerca de 300 trabalhadores, através de rescisões por mútuo acordo e na eliminação de 47 agências, que limitou a presença do banco ao litoral e sul do país.

O banco espanhol explicou estas perdas pelo esforço extraordinário na constituição de provisões para limpar o balanço do banco. Estas provisões ultrapassaram os 5600 milhões de euros, em parte para cobrir imparidades com crédito e imóveis.