Internacional

Médico infeta pacientes com o vírus da sida por acidente

Material descartável foi reutilizado em vários doentes

O governo chinês emitiu um comunicado a confirmar a existência de um “grave incidente médico”, na sequência do qual pelo menos cinco pessoas foram infetadas com VIH.

Um médico terá reutilizado material, que deveria ter sido deitado fora, pois era descartável e tinha sido usado num paciente portador do vírus.

O comunicado refere um “grave incidente médico”, mas adianta pouco sobre o que se passou a 26 de janeiro naquele hospital. Aliás, a AFP sublinha que o executivo chinês acaba por censurar muitas das notícias sobre o caso.

Já nas redes sociais, o tema tem sido muito comentado e muitos internautas chineses manifestam dúvidas sobre se esta terá sido a primeira vez que houve uma quebra de protocolo.