Desporto

Premier League. Duas mãos travaram Marco Silva

Golo ilegal de Alexis Sánchez deu vantagem ao Arsenal; penálti nos descontos selou o 2-0 final

A caminhada positiva de Marco Silva ao comando do Hull City sofreu um revés neste sábado: o conjunto orientado pelo técnico luso foi derotado no recinto do Arsenal (0-2).

Os Tigers, porém, têm razões de queixa da arbitragem de Mark Clattenburg. É que o golo inaugural dos Gunners, aos 34 minutos, foi apontado... com a mão de Alexis Sánchez, após uma bola rechaçada pelo guarda-redes do Hull, Jakupovic. No último lance do jogo, e numa fase em que o Hull carregava, um contra-ataque rápido do Arsenal terminou com o defesa Clucas a evitar, também com a mão, o golo em cima da linha. Penálti, expulsão... e novo golo para Alexis Sánchez, que assim selou o 2-0 final.

Novo bom resultado somou o Manchester United. Os comandados de José Mourinho bateram o Watford, também por 2-0 - resultado ainda assim insuficiente para deixarem o sexto lugar, que ocupam desde... outubro, apesar de estarem invictos há 16 jogos consecutivos na Premier League.

Juan Mata inaugurou o marcador para os Red Devils aos 32 minutos, a passe de Martial, que viria a fazer o segundo golo do desafio, lançado desta feita por Zlatan Ibrahimovic. Este triunfo assinalou também um número redondo: o Manchester United tornou-se na primeira equipa a atingir os 2 mil pontos na era Premier League (desde 1992/93).