Vida

Restaurante de Rita Pereira é alvo de críticas

A atriz Rita Pereira abriu recentemente um restaurante, especializado em tapioca, que já foi alvo de críticas.

Um dos responsáveis do blogue Casal Mistério, que publica criticas de restaurantes cujos autores visitam de forma anónima, escreveu que teve de esperar mais de 40 minutos pelo seu pedido, quando visitou o Beiju, nas amoreiras, em Lisboa, em dezembro, mês da inauguração.

"Confesso que tenho enorme simpatia pelo talento e sorriso da Rita Pereira, mas 43 minutos a olhar para uma fotografia sua enquanto esperava por uma tapioca é um pouco demais", lê-se no texto assinado por ‘Ele’, publicado no blogue.

Este reparo não foi, no entanto, único. Nas redes sociais, várias pessoas queixam-se, além do tempo de espera, dos preços, que consideram ser demasiado elevados.

Aliás o autor do ‘casal Mistério’, que visitou o espaço duas vezes, também fez um reparo acerca do preço e da consistência da própria tapioca.

"Apesar de todo o tempo de preparação, a tapioca veio claramente farinhenta, demasiado grossa e com uma consistência muito aborrachada", escreveu, acrescentando que da segunda vez que lá foi “o tempo de espera melhorou bastante (16 minutos), mas a tapioca manteve-se igual".

A avaliação e as críticas não passaram despercebidas e Rita Pereira resolveu pedir desculpas e convidar o autor da regressar.

"Não querendo dar desculpas, gostaria apenas de vos pedir que regressassem à Beiju agora, em fevereiro, altura em que estamos mais organizados, onde os nossos funcionários já estão mais coordenados e a gestão mais controlada. Infelizmente o Sr. Ele foi no mês de abertura, altura em que a demanda foi alta demais, muito acima das nossas expectativas. Claro que por um lado foi positivo, mas por outro, provocou-nos alguns erros infelizes", escreveu a atriz.

Rita Pereira garantiu ainda que os tempos de espera “estão muito longe desses 40 minutos”, e que os recheios estão “de fazer lamber os dedos”, sobre a tapioca em si, a atriz sublinhou que depende sempre da preferência da pessoa.

"É só pedir mais fina, mais grossa, mais seca, mais crua, a escolha é do cliente. Uma vez mais, as minhas desculpas pelo sucedido e espero que na próxima visita (vá lá voltem!!!) saiam da Beiju com um sorriso", afirmou.